sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

AO PÔR-DO-SOL


Com o pôr-do-sol morrem os meus sonhos,
Cansados de tão longa espera
E as lágrimas deslizam pelo meu rosto.
Quem dera que meu pranto levasse a minha mágoa
E o desencanto de te ver só no meu horizonte.
A esperança é uma flor que murchou
E cujas pétalas desfolhei entre meus dedos.
Nada me resta a não ser a cumplicidade
Que existe entre mim e o pôr-do-sol.
***********
Leonor Costa
Em 12.2007

17 comentários:

leonor costa disse...

Obrigada pelo carinho que me deixam nos comentários.

Para todos vós um grande beijo!

gaivota disse...

que pôr do sol, minha amiga!!!
mas, escuta, o sol só vai descansar um pouco por estas bandas...
logo, logo, vai despontar e iluminar-nos com toda a sua luz e aquecer-nos com os seus raios...
erspera que a tua flor renasça!
beijinhos

joaninha disse...

A paisagem é linda!
O pôr~do~sol é a hora do dia que mais me encanta... deixa-me na alma a nostalgia do que não foi o meu dia...Quanto ao trabalho escrito, achei-o muito bonito. Senti-o.
Beijinhos

Bichodeconta disse...

Magnifico trabalho, parabéns..um bom fim de semana..

Thiago Forrest Gump disse...

E ainda levará mais de 10.000 de anos para que ele se apague! :D

FERNANDA & POEMAS disse...

OLá querida Leonor, belíssimo o teu poema, a foto, a música!
Uma bela serenata para mim.
Beijinhos de cariho e amizade.
Fernandinha

Camilo Rego disse...

Olá Leonor.
Não se deixe abater pelo pôr-do-sol. É verdade que nos traz alguma nostalgia... mas é demasiado bonito, intenso e, além disso, faculta tantas vezes o encontro connosco próprios.

Uma excelente semana.

Post disse...

Liberdades poéticas
n a d a m a i s
Bj

fronteiras disse...

O pôr-do-sol parece que encerra sempre algo, como que uma mensagem prometida e as promessas movem o interior. Surge uma lágrima e o encanto transforma-se noutro encanto, mais belo, mais profundo, onde se acredita. Cumplicidade do pôr-do-sol e votos de uma boa semana.
Beijinhos
Fronteiras

belakbrilha disse...

Este por do sol
este vermelho...
esta água calma...
este canto de pássaros...
me eleva a alma...

A vida merece ser vivida!
seja qual for a "tormenta"
atravessarei...
com calma!

bjsss
este poema é lindo
como me fez bem!...obrigada!

Maria Laura disse...

Goza então essa cumplicidade e a da madrugada e a do mar que existe para nos maravilhar... por aí atingirás outra esperança.

elvira carvalho disse...

Que post, tão triste Leonor.
Se essa esperança murchou trate de pôr outra no lugar. A vida sem esperança, fica insuportável.
Um abraço

Maria Simplesmente disse...

Leonor quem cá volta é porque gostou e se sentiu bem.
Eu é que lhe agradeço que me deixe entrar.
Bj
Maria

Nilson Barcelli disse...

Nunca é tarde para sonhar.
E o pôr-do-sol é quase sempre lindo.
O teu futuro começa agora...
e só agora... por isso...

Gostei das tuas palavras, ainda que impregnadas de alguma melancolia.

Beijinhos.

Menina do Rio disse...

Deixo-te um beijo ao por do sol

FM disse...

Um singelo mas merecido Prémio aguarda por TI no ESSÊNCIAS... É teu e espero que lhe dês seguimento.
PARABÉNS!

Sei que existes disse...

Nunca, mas nunca mesmo deixes morrer os teus sonhos!...
Beijocas grandes