segunda-feira, 10 de agosto de 2009

QUE IMPORTA...

Tenho saudades...
Que importa
Se bates à minha porta
E não vens para ficar?
Somos vidas paralelas
Que nunca se vão encontrar...
Quantas vezes passas por mim
Fingindo que não me vês...
Sendo assim não esperes
Que corra p'ra ti outra vez!
Tive saudades...
Que importa
Se batias à minha porta
E não vinhas para ficar?
Vê tu, a vida é tão breve...
É uma brisa passageira
Que não podemos deter...
Um dia bates-me à porta
E já não estou cá p'ra te ver!
Leonor Costa