sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

HOJE E AMANHÃ


Hoje
Eu queria pegar em mim
E deitar-me fora...


Queria tecer com meus nervos
Uma rede para descansar.
Queria ser barco
Ao sabor das ondas a vogar...
Ah, deixar correr o tempo
Sem disso me aperceber!...
Esquecer-me de mim...
Serenamente adormecer...

Hoje
Eu queria pegar em mim
E deitar-me fora...

Amanhã
Eu queria nascer outra vez...
Uma alma nova, um novo ser!
Algemas quebradas
Ressurgir do nada.
Ah, pudesse minha vida ser
Em cada dia que passa
Uma constante alvorada!
Leonor Costa


17 comentários:

gaivota disse...

às vezes também me poderia apetecer tudo isso, ou simplesmente, deitar-me fora,
mas, decido outra solução:
deito fora quem me chegou a pensar fazer de mim um trapo!
beijinhos

maria josé quintela disse...

há dias assim. felizmente que o dia seguinte existe!

um beijinho e bom natal.

MIMO-TE disse...

Eescreves tudo isso de uma forma tão serena. Acredita, que podemos nascer todos os dias de novo. :)

Acotece a ti, a mim, a todos! Mas amanhã, nasces novamente e com nova força para viver melhor!:)))


Mimos linda e que este Natal seja também um marco para uma nova vida cheia de paz, saúde e amor.

Miminhos meus

Berta Helena disse...

Leonor,

Desejo-te um Feliz Natal, com os presentes que mais desejas.

Beijos.

Luis F disse...

Um Feliz e Santo Natal

Cheio de paz, amor e saúde.

___________________Paz
__________________União
_________________Alegrias
________________Esperanças
_______________Amor.Sucesso
______________Realizações★Luz
_____________Respeito★harmonia
____________Saúde★..solidariedade
___________Felicidade★...Humildade
__________Confraternização★..Pureza
_________Amizade★Sabedoria★.Perdão
________Igualdade★Liberdade.Boa-sorte
_______Sinceridade★Estima★.Fraternidade
______Equilíbrio★Dignidade★...Benevolência
_____Fé★Bondade_Paciência..Gratidão_Força
____Tenacidade★Prosperidade_.Reconhecimento
- ¨.•´¨) . ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•.-
- ¨.•´¨) . ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•...“

São os votos do Luis

Sol da meia noite disse...

Pois... eu também queria, e de que maneira. Mas o querer, é algo limitado. Já as palavras, essas vão por aí fora e até conseguem o que querem...

Desejos dum Feliz Natal.
*

redonda disse...

Um Feliz Natal e Um Ano Novo muito Bom!
um beijinho
Gábi

São disse...

Quem tem uma dálmata, não se pode deitar fora!
Vim aqui pela primeira vez porque também eu tive uma dálmata ternurenta e gulosa...e porque também adoro gatos!
Desejo-lhe e aos seus alegres festas, santo Natal e feliz 2008!

Luis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Clarice disse...

Leonor, fiquei muito feliz com tua visita. Estou gostando desta roda de Portugal!
E vou ler todas as tuas poesias, porque as três primeiras que li me encantaram. Rara sensibilidade traduzida em palavras. As tuas mãos sabem conectar-se com o coração!
Abraço e feliz 2008!

Sei que existes disse...

Desejo-te um Natal repleto de coisas boas e que te façam verdadeiramente feliz para sempre!
Beijo grande

leonor costa disse...

Sinto-me feliz e lisonjeada com as palavras e o carinho de todos os que por aqu têm passado. Obrigada e voltem sempre, porque a vossa presença é uma alegria!

BOAS FESTAS!

Beijinhos da Leonor

jorge disse...

Exp.

NETMITO-x-MULTIPLICITY disse...

ESCUTA O SOM MAIS PURO DA TUA VOZ...

Boas festas:)

Paula Raposo disse...

Eu também gostaria de ser uma permanente alvorada! Bonito o teu poema!

jorge disse...

...O dom da vida é por demais inestimável para pensar em se "deitar fora"...Já pensou na canseira que a outros causaria na busca de a encontrar pois a têm como "bem precioso"?
..."Carpe diem"...o seu amanhã é o momento bom do dia a dia.

Maria disse...

Gosto do seu blog, e do passeio ao campo que nos oferece.
Muito bonitos os seus poemas.
Bj
Maria